CAMP CHEGANDO, PROX FINDE 18-20/12/15. AGUARDEM O OFICIAL M. GUTO EM AÇÃO, PARTICIPANTES!

December 13, 2015

 

 

http://www.guiagaysaopaulo.com.br/1/n--1-bdsmcamp-brasil-vai-prender-escravos-por-todo-um-fim-de-semana--11-12-2015--2065.htm

 

Sonhos de muitos praticantes de sadomasoquismo, o encarceramento e a dependência total sob as ordens de um mestre podem se tornar realidade em breve.  

(publicado no guiagaysaopaulo.com.br em  11/12/2005)

 

*******************

 

Dentre 18 e 20 de dezembro, será realizado o 1º BDSMCamp Brasil, encontro fetichista para praticantes de bondage, sadismo e masoquismo. O local - nos arredores da capital paulista - só será divulgado aos inscritos.

 

A proposta é parecida ao que já ocorre em algumas cidades pelo mundo e foi documentado no longa alemão Cárcere 4614, que integrou a programação do 23º Festival Mix Brasil (se encontrar o filme na web, assista, é muito interessante): escravos e submissos pagam para ficar à mercê de um dominador sem contato algum com o mundo externo.

 

Quem está no comando dessa empreitada brasileira são Dom Barbudo, Mestre Guto Lemos e Dom PC. Ao Guia Gay São Paulo, Dom Barbudo contou que a ideia veio de outro mestre, Breno Furrier, que teve experiência similar na Europa. Breno, no entanto, por motivos inesperados, não participará desta edição, mas estará com o chicote em punho na próxima.

 

A casa escolhida possui quatro andares, área verde, piscina e mais de 2 mil metros quadrados que poderão ser usados para a arte do bondage, da disciplina e do spanking.

Para quem ainda não sabe: BDSM (bondage-dominação-sadomasoquismo) é uma prática consentida. Os inscritos não correm qualquer risco. "Para cada candidato é enviado um questionário, no qual enfatizam seus limites, desejos e fetiches, e estes serão cumpridos. Garantimos total respeito e segurança a todos os envolvidos", explica Dom Barbudo, segundo o qual, não há registro de evento parecido em solo brasileiro antes. 

 

Todos os envolvidos na produção do encontro têm, em média entre oito e dez anos na prática do BDSM. Para os escravos, uma das regras de ouro desse universo: todos terão uma safe word (palavra combinada previamente que cessa qualquer prática que esteja ocorrendo). 

Os interessados devem ter mais de 18 anos e não há limite de idade. No mais, serão avaliadas as condições de saúde do participante. Um dos critérios principais é, claro, ter muita vontade de ser submetido um fim de semana inteiro à arte da dominação.

 

Inscrições, que custam R$ 500 (valor inclui hospedagem, alimentação e aluguel de uniformes), podem ser feitas por formulário disponível no site do BDSMCamp Brasil.

 

Please reload

Featured Posts

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Recent Posts
Please reload

Archive